O comércio eletrónico está cada vez mais a mudar o mundo das vendas tal como o conhecemos. Vemos isso em pequenas situações do dia-a-dia: vivemos num globo digital e, por isso, hoje comunicamos de maneira diferente. Um método antes muito invasivo, mas que é agora simplificado e virtual. Se uma empresa procura organizar e aumentar as vendas, é essencial vender online.

Tal como acontece com qualquer expansão de negócio, considerar uma presença online pode gerar uma série de questões e, por isso, nesta publicação selecionamos 5 das razões mais pertinentes para começar um negócio online:

 


 

1. OS COMPRADORES JÁ ESTÃO ONLINE

Não só a tecnologia evoluiu, tornando as compras mais seguras, como também o consumidor está mais disponível para fazer compras pela internet. O consumidor atual escolhe cada vez mais comprar online em detrimento das lojas físicas, pela sua facilidade e conveniência. Os meios digitais são também muito usados para obter informação sobre produtos a adquirir e para consultar comentários e opiniões de outros utilizadores.

 

2. VENDAS SEM LIMITE GEOGRÁFICO

A redução das barreiras geográficas é uma das principais vantagens do comércio , já que não há limite de tempo nem de espaço. A porta do negócio online nunca fecha, tornando possível vender 24 horas por dia, 7 vezes por semana. A loja online não limita o nosso alcance a uma cidade ou país: não está em lado nenhum e, ao mesmo tempo, está em todo o lado e é por esta razão que nos torna mais acessíveis.

 

3. ACOMPANHAMENTO DAS VENDAS

É quase obrigatório acompanhar o desempenho da loja online e fazer uma análise do comportamento do consumidor e dos seus movimentos dentro da própria plataforma. Por exemplo, através do número de visitas que uma loja recebe, é possível conhecer melhor quem compra, como chega até nós, quais os artigos mais procurados, os itens mais clicados,  o volume de transações, entre outras informações concretas. Estas análises vão segmentar a audiência e ajudar a identificar melhor as características dos consumidores e as suas preferências de consumo para a definição e ajuste das estratégias de vendas e marketing. A lembrar: estes são processos contínuos e devem ser acompanhados.

 

4. DIVULGAÇÃO E COMPETITIVIDADE

Vivemos num mundo social. Os consumidores estão presentes nas redes sociais e estas ferramentas potenciam a divulgação e a interação. Uma presença envolvente nas redes sociais pode ser uma jogada inteligente por parte das empresas, tornando-as competitivas. Esta tática contribui para aumentar o reconhecimento, incentivar o tráfego e, em última instância, as vendas. Uma empresa “desconectada” está automaticamente a perder uma grande fatia do bolo, até porque os consumidores não a vão escolher se não a conseguirem encontrar.

 

5. MAIS VENDAS

Mesmo para quem já tem uma loja física, a loja online é uma forma vantajosa para aumentar as vendas. Porquê? Sobretudo porque oferece oportunidades de interação personalizada com os atuais clientes, ao mesmo tempo que permite atrair novas audiências e promover o negócio. Assim, o comércio eletrónico torna uma marca ainda mais conhecida e rentável. Hoje é possível fornecer um serviço excecional de apoio ao cliente e a tecnologia é nossa aliada. A loja online permite-nos ampliar as soluções e canais através de chats, emails, chamadas, SMS ou redes sociais.

 


 

Falar em lojas online é hoje mais atual que nunca. São elas que vão permitir expandir horizontes, alargar as vendas e, consequentemente, gerar lucro. Os consumidores estão, de facto, à distância de um clique. Boas vendas!

Subscrever Newsletter

Selecionamos os melhores updates, case studies, artigos e outros recursos exclusivos.

A PRIMARIU usa as informações fornecidas para entrar em contacto sobre conteúdos, serviços ou outras ofertas, sendo possível remover a subscrição a qualquer momento.